Cupom Fiscal e Nota Fiscal: Emissão no Supermercado


Você sabe para que servem o cupom fiscal e a nota fiscal? Ambos documentos servem para que  empresas possam  registrar a coleta dos impostos. Assim sendo, a não entrega de qualquer um desses documentos significa sonegação e pode acarretar graves complicações fiscais.

Quer saber mais sobre esse assunto? Então acompanhe este texto. A seguir vamos explicar a diferença entre cupom fiscal e nota fiscal, dizer se um pode ser substituto do outro e informar como cada documento deve ser emitido.

 

Existe diferença entre cupom fiscal e nota fiscal?

Antes de falar detalhadamente sobre esse assunto, é preciso explicar o que cada documento significa:

 

O que é cupom fiscal?

O cupom fiscal é um documento que serve para comprovar a venda de produtos destinados a uma pessoa física. Sendo assim, o comprovante é bastante emitido em transações comerciais entre empresas varejistas (como supermercados) e consumidores finais.

 

O que é nota fiscal?

A nota fiscal é um documento cuja a finalidade é registrar a realização da venda de mercadorias e serviços. Pode ser emitida tanto em movimentações de compra e venda entre uma empresa e outra, como em transações comerciais entre estabelecimentos e clientes.

 

Afinal, qual a diferença entre cupom fiscal e nota fiscal?

Conheça agora as principais diferenças entre cupom fiscal e nota fiscal:

 

Modo de emissão

A principal diferença está no modo como cada documento é emitido. O cupom fiscal é emitido por meio de uma impressora fiscal especial, o emissor de cupom fiscal. Já a nota fiscal (principalmente, a eletrônica) deve ser emitida através de um ambiente virtual fornecido pela Secretaria da Fazenda (Sefaz).

 

Quantidade de informação

Outra diferença está na quantidade de informações que cada documento apresenta. O cupom fiscal apresenta apenas detalhes sobre a empresa, o produto e a transação comercial. Já a nota fiscal, apresenta essas informações e também emite outras, como dados sobre o comprador e o frete oferecido pela transportadora.

 

Modelos de documento

Diferentemente do cupom fiscal, existem diferentes modelos de nota fiscal. Existe a nota fiscal para a venda de produtos, para a prestação de serviços e a nota fiscal específica para o consumidor final.

 

O cupom fiscal pode substituir a nota fiscal?

O cupom fiscal é um documento equivalente a nota fiscal. Sendo assim, você pode substituí-lo pela nota fiscal sem ter receio de que o governo multe seu supermercado por conta disso.

Essa substituição é legalmente permitida por 2 motivos simples. Primeiro, porque ambos documentos servem para registrar e analisar a coleta dos impostos. Segundo, porque eles têm a mesma finalidade, que é comprovar a realização de uma venda.

 

Quer saber mais?

Hoje você pode usar a versão digital de cada documento. Para emitir a nota fiscal eletrônica,é preciso obter um certificado digital fornecido pela Secretaria da Fazenda. Já o cupom fiscal eletrônico, é emitido pelo SAT, um equipamento especial para isso.

Depois de ter entendido a diferença entre cupom fiscal e nota fiscal, você gostaria de acompanhar outras dicas do nosso blog? Basta cadastrar seu e-mail abaixo! Prometemos manter você atualizado sobre os novos artigos.

Conteúdo Relacionado


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *